Produtor afirma que “Os Defensores” não estabeleceram laços duradouros

O produtor executivo de Os DefensoresMarco Ramirez, afirmou em entrevista para a Entertainment Weekly, que os heróis não construíram uma relação muito duradoura na primeira temporada da série.

“Penso que eles são como a maioria das pessoas que estavam no mesmo ônibus quando aconteceu o acidente, e então eles preenchem juntos a papelada, vão para o hospital juntos e agora estão indo para casa. É mais ou menos assim. Foi uma ótima aventura com vocês, toparia vê-los de novo, mas também não me incomodaria de não os ver.”

Embora os eventos da série afetem o universo individual dos heróis, ao que parece a intenção não é uni-los com frequência após a primeira temporada de Os Defensores.

“É mais como um laço que acontece durante uma crise. As pessoas estão íntimas agora, mas não é como se eles fossem se convidar para jantar toda terça-feira. Desenvolvemos a série para que eles pudessem voltar aos seus mundos individuais, mas não é como se eles estivessem isolados permanentemente.”

>>> Personagem de Tom Holland no filme “Beneath a Scarlet Sky” será um espião

>>> Hackers prometem vazar o último episódio da temporada de “Game of Thrones”

Ramirez também falou sobre interações pouco exploradas entre os heróis, como entre Jessica Jones e Punho de Ferro. Para ele, não faria sentido criar algo se não fosse servir à história.

“Construímos uma história entre Matt e Jessica e outra entre Danny e Luke por causa da natureza da série. Há algumas versões dos pares opostos que adoraria ter visto. Adoraria ter visto interações entre Matt e Luke e entre Jessica e Danny porque agora estabelecemos esses dois relacionamentos. Mas não faríamos só por fazer.”

A série tem Charlie Cox como Matt Murdock, Krysten Ritter como Jessica Jones, Mike Colter como Luke Cage e Finn Jones como Danny Rand e Sigourney Weaver como a misteriosa vilã Alexandra.

A primeira temporada completa de Os Defensores já está disponível na NetflixJusticeiro, outra série do universo Marvel, também chega ao serviço streaming este ano.

Este artigo não possui comentários