LISTA – 7 personagens da Marvel que foram mal aproveitados nos cinemas

Embora seja muito elogiada pelas adaptações dos quadrinhos para o cinema, a Marvel já deu alguns deslizes ao trazer todo o potencial das HQs para as telonas. Certos heróis e vilões tiveram sua importância e história diminuídos no cinema, seja através de histórias não muito boas, mortes desnecessárias ou decisões comerciais duvidosas. Pensando nisso, fizemos uma lista reunindo os 7 heróis e vilões que forem terrivelmente aproveitados pela Marvel. Confira:

7º Lugar – Caveira Vermelha

O principal vilão de Capitão América: O Primeiro Vingador (2011) ainda pode retornar ao universo Marvel, o que faz com que ele não esteja no topo da nossa lista. Ainda assim, mesmo considerando sua breve aparição no primeiro filme do Capitão América, é meio desapontador saber que o personagem foi também colocado de lado com tão pouco tempo.

Nos quadrinhos, o Caveira Vermelha é a antítese de tudo que o Capitão América representa. No filme do herói, ele serve como um bom vilão, mas não chega aos pés de ser cruel e visceral como nas HQs. Ainda assim, caso retorne em um futuro próximo ou não, o personagem pode ser mais bem desenvolvido e abraçar todo seu potencial.

6º Lugar – Barão Strucker

Agora, passando para outro grande líder da HIDRA que foi morto cedo demais, podemos lembrar do Barão Strucker, apresentado na cena pós-créditos de Capitão América: O Soldado Invernal (2014) e depois, mais “desenvolvido” em Vingadores: Era de Ultron (2015).

No filme da equipe, o vilão aparece pouco em cena, não sendo suficiente para criar o grande senso de ameaça que ele representa nos quadrinhos. Além disso, seus poderes e habilidades foram aparentemente deixados de lado em prol de uma versão mais “realista”. E antes mesmo da metade do filme, ele é assassinado por Ultron apenas como forma de “mandar uma mensagem” aos Vingadores.

5º Lugar – Ossos Cruzados

Quando Brock Rumlow aparece pela primeira vez, em Capitão América: O Soldado Invernal (2014), temos uma espécie de “história de origem” do vilão. Ao final, o vemos ser dilacerado pela queda de um aeroporta-aviões. Anos depois, o personagem volta em Capitão América: Guerra Civil (2016) e, dessa vez, infelizmente, a participação do personagem é bem mais limitada do que deveria ser.

Aqui, vemos o Ossos Cruzados apenas como um vilão banal que serve a um único propósito narrativo da história. Isso diminui o potencial do personagem que, nos quadrinhos, foi responsável pela trágica morte do Sentinela da Liberdade. Mas como no cinema, a trama principal era a “guerra civil”, o vilão acabou super prejudicado por isso.

4º Lugar – Malekith

Nos quadrinhos, o elfo negro Malekith é um dos vilões mais interessantes do Thor. Um mago perverso, ele é o líder de seu povo e conduz exércitos em prol de seus propósitos diabólicos. Isso gerou um grande interesse dos fãs, ainda mais quando o ator Christopher Eccleston foi anunciado no papel.

Contudo, a versão cinematográfica do personagem se provou um grande desapontamento. Além de não ter nada referente à magia, o vilão se tornou apenas um ser unidimensional movido pela trama das Joias do Infinito, como uma “escadinha” para a trama central de Thanos. E assim como boa parte dos outros da lista, já está morto.

3º Lugar – Hulk

Você deve estar se perguntando como um personagem famoso e importante no MCU como o Incrível Hulk está aqui nesta lista. E a resposta tem a ver com questões de direitos de adaptação e marketing. Como eles são compartilhados entre a Marvel Studios e a Universal, a Disney prefere não fazer filmes próprios do Gigante Esmeralda para não ter de se preocupar com os lucros compartilhados.

Contudo, isso acaba deixando o personagem como uma sombra de outros heróis e equipes. Até agora, não vimos grande desenvolvimento de personagem do herói em Os Vingadores (2012) e sua continuação, e um de seus arcos mais famosos das HQs, Planeta Hulk, parece estar tentando se encaixar na trama de Thor: Ragnarök.

2º Lugar – Ronan

Interpretado por Lee Pace em Guardiões da Galáxia (2014), Ronan, o Acusador é um grande vilão do Universo Marvel dos quadrinhos, mas cuja história acaba criando uma série de repercussões, ao ponto do personagem virar um grande general do povo Kree, servindo mais como um anti-herói do que como vilão.

No cinema, ele é retratado de uma forma bem interessante, quase como um fanático religioso. Contudo, o personagem é desenvolvido de forma muito unidimensional e, ao final do filme, é morto sem deixar pistas de um retorno melhor no futuro da franquia.

1º Lugar – Mercúrio

Quando Mercúrio aparece pela primeira vez em Capitão América: O Soldado Invernal (2014), muitos fãs ficaram ansiosos para vê-lo em Vingadores: Era de Ultron (2015) e ver como seria a dinâmica do personagem com sua irmã, a Feiticeira Escarlate. Porém, o resultado final acabou sendo um pouco decepcionante.

O herói velocista foi desenvolvido de uma forma muito diferente dos quadrinhos, sem ter o menor traço do Pietro egoísta, arrogante e impaciente do impresso. Além disso, seus poderes foram bem diminuídos para a versão cinematográfica. Por fim, o personagem se sacrificou e acabou morrendo alvejado pelo vilão Ultron, em uma cena muito controversa do filme.

Este artigo não possui comentários